O poder das avaliações de colaboradores para o seu ’employer branding’

O poder das avaliações de colaboradores para o seu ’employer branding’

Cada vez mais, as pessoas utilizam plataformas de avaliações, seja no momento de fazer a reserva de um hotel, escolher um restaurante, comprar um livro ou escolher seu destino de férias. E, nesse mesmo movimento, as pessoas querem ouvir dos(as) colaboradores(as) de uma empresa como é a realidade no dia a dia dentro – e fora – do escritório antes de aceitar uma oferta de trabalho.

Não à toa, estamos passando por um movimento forte na área de Recursos Humanos. As empresas estão buscando mais conhecimento sobre o que é marca empregadora (employer branding). e descobrindo como criar algo sustentável, aproximando o RH da estratégia do negócio. Muitas empresas já usam essa estratégia com o objetivo de fortalecer a imagem no mercado e despertar – e reter – o interesse dos melhores talentos. O employer branding consiste em várias partes diferentes, mas uma das áreas que mais impactam é a de avaliações dos colaboradores(as) em sites externos.

Plataformas, como Glassdoor, Love Mondays e Indeed, possibilitam que o empregador mostre aos(as) candidatos(as) a verdadeira essência de sua empresa, a realidade de como é trabalhar, sua cultura, dia a dia, entre outros. Isso aproxima, engaja e passa verdade. É uma ação estratégica que nos ajuda a mostrar nossa marca e cultura, ficando à frente dos talentos potenciais que queremos atrair.PUBLICIDADE 

5 dicas para manter uma boa imagem da sua empresa online

1) Não tente parecer o que você não é. Será um tiro no pé. A construção do EVP (Employee Value Proposition) da sua empresa será fundamental. Vejo muitas empresas divulgando sobre diversidade, mas, quando se olha a realidade e os comentários em portais de avaliações, vemos que na prática isso não acontece. O candidato pode se sentir enganado, e isso pode prejudicar bastante a sua imagem;

2) Utilize as avaliações dos seus colaboradores(as) como um diagnóstico. Se não tem budget para contratar uma agência para construção do EVP nem pessoas suficientes no time para realizar, esse pode ser um bom primeiro passo. Estude o que o time está dizendo e implemente as melhorias;

3) Divulgue fotos, vídeos e depoimentos. Mas se preocupe com a qualidade e o quão fiel é com a sua realidade. Cerca de 84% dos(as) candidatos(as) à vaga dizem que a reputação de uma empresa como empregadora é importante (Glassdoor, Harris Poll, abril de 2017);

4) Utilize estes mesmos recursos para divulgação de vagas. Algumas dessas plataformas possibilitam que a empresa divulgue vagas, fazendo com que receba profissionais mais alinhados com a sua cultura;

5) Engaje e encoraje os(as) colaboradores(as) a realizarem avaliações (sejam positivas ou negativas); Faça com que) sintam-se à vontade em partilhar como se sentem, construindo o que é de mais real. Os (as) candidatos (as) confiam nos (as) colaboradores (as) três vezes mais do que no (a) empregador (a) para fornecer informações sobre o trabalho na empresa (LinkedIn , 2016).

Todos querem fazer parte de um bom local de trabalho, onde possam crescer, ser respeitados e avaliados pelo seu trabalho. Use esse conhecimento como uma vantagem. Quando você coloca esforços para criar e se destacar como uma marca empregadora positiva para as pessoas que estão de fora, mas também se esforça para uma cultura saudável por dentro, se preocupando com o employee experience, os (as) colaboradores (as) de sua empresa têm muito mais chances de contribuir positivamente para a sua marca empregadora com o mundo externo.

Leave a Reply

Close Menu